Queimaduras solares: como prevenir e tratar?

Queimaduras solares: como prevenir e tratar?

As queimaduras solares são extremamente comuns nesta época de verão, devido ao exagero de praia, piscina e similares. Mais comuns em crianças, mas também acontecendo em adultos, as queimaduras solares são consequência do excesso de sol sem proteção solar adequada.

Exatamente para evitar esse tipo de dificuldade, o Beleza Feminina está trazendo para você um guia completo de como se prevenir e combater as queimaduras solares, além de todas as consequências que elas podem ter na saúde da sua pele.

O que são as queimaduras solares e como elas aparecem?

As queimaduras solares são queimaduras causadas na pele por exposição excessiva aos raios solares. Com o aumento das temperaturas e a estação de preia e piscina, as ocorrências de queimaduras solares aumentam consideravelmente, causando uma série de problemas e claro, podendo atrapalhar as suas férias.

As queimaduras têm como principal sintoma o avermelhamento da pele, a perda de hidratação, fazendo com que a pele fique ressecada e muitas vezes pegajosa, desagradável ao toque, além do descascamento posterior da camada mais externa da pele, além de sensação de dor e ardência pela pele. Os casos mais graves podem, inclusive, apresentar bolhas.

Uma das causas mais comuns destas queimaduras é a exposição ao sol nos horários não recomendados, que são entre 10:00 e 16:00, além de queimaduras mais graves quando a pele é exposta com alguns elementos ácidos em contato com ela (a queimadura causada pela reação do sol com limão é uma das piores, deixando manchas permanentes na mesma).

Como prevenir as queimaduras solares? Quais são as consequências?

As queimaduras podem ser prevenidas simplesmente evitando o sol desprotegido e apenas se expor ao sol dentro dos horários recomendados (antes das 10 da manhã ou após as 16:00). Mesmo dentro desses horários, o recomendável é sempre ter uma excelente proteção solar para evitar as diversas doenças e problemas que podem ser causadas pelas queimaduras solares.

A consequência mais grave das queimaduras frequentes é sem dúvida alguma, o câncer de ele. Ele acontece quando a pele é submetida a tantas agressões que começa a reproduzir-se de forma incorreta, criando o câncer. O câncer de pele é um dos mais perigosos e mortais, podendo ser um problema enorme para quem o desenvolve.

Outra doença que pode vir relacionada às queimaduras solar é o envelhecimento precoce da mesma, com grandes rugas e marcas de expressão. Isso acontece porque a pele vai perdendo a capacidade de se reconstruir.

Como tratar as queimaduras solares?

As queimaduras solares são, quando não tão graves passíveis de tratamento caseiro. Com uma mistura de analgésico leve (como paracetamol ou dipirona), muita hidratação e loção para queimaduras de sol, vendidas em farmácias de todo o Brasil, é possível controlar as queimaduras solares mais leves.

Entretanto, quando falamos de queimaduras solares com bolhas e similares, onde existe caso de febre ou claramente a pele entrou em processo infeccioso, o ideal é procurar um médico.

Com essas dicas, seu verão e sua pele serão muito mais seguros e você vai evitar as queimaduras de sol com muito mais facilidade.

Conheça Também o Nosso Canal no Youtube


1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

Post Comment