Baixa imunidade

Baixa imunidade

Se você sofre de infecções frequentes, está sempre gripado e visita o médico constantemente, pode ser que sua imunidade esteja em baixa e não te protegendo tão bem quanto deveria. As causas para um sistema imune comprometido são as mais diversas, e a baixa imunidade pode trazer sérias complicações. Entretanto, algumas pessoas apresentam alguns sintomas muito vagos e acham que eles podem caracterizar baixa imunidade, quando podem ser sintomas de outros problemas. Hoje falaremos sobre os sintomas e causas de uma deficiência no sistema de defesa do corpo.

Sintomas

Complicações respiratórias – Gripes e resfriados são bastante frequentes e podem demorar a passar, ou até se tornarem mais graves, como é o caso da pneumonia.

Infecções crônicas – Amigdalite, estomatite, herpes, infecções intestinais… A maioria dessas doenças costuma ser barrada pelo sistema imune saudável, mas se forem recorrentes ou aparecerem juntas, podem significar imunodeficiência.

Monilíase por mais de dois meses – Mais conhecida como sapinho, a monilíase se manifesta na forma de lesões brancas na língua, gengivas e boca. É mais comum em bebês, exatamente porque o sistema imune dos pequenos ainda não se desenvolveu totalmente. O aparecimento em adultos pode denunciar baixa imunidade.

Cansaço excessivo – Seu corpo gasta bastante energia com a produção dos anticorpos e reparação dos tecidos danificados por agentes externos, gerando muito cansaço.

Febre frequente – A febre nada mais é de que seu corpo está enfrentando uma infecção. Se ela acontece com bastante frequência, as defesas de seu corpo podem estar comprometidas.

Causas

Genética – Esse é um fator indicativo para manter a saúde na linha. Quem possui casos na família de baixa imunidade deve ficar mais atento ao funcionamento do próprio organismo.

TPM – Com o desequilíbrio hormonal que antecede a menstruação, pode haver uma queda no funcionamento do mecanismo de defesa do organismo.

Uso de medicamentos – Certas pessoas com doenças autoimunes, cujo sistema imunológico ataca o próprio organismo, têm de tomar os chamados imunossupressores, que agem exatamente suprimindo a ação do sistema imune.

Má alimentação – A falta de nutrientes específicos pode por em risco a saúde. Como nosso corpo não produz quase nada dos nutrientes essenciais – vitaminas, gorduras, proteínas e carboidratos –, é necessário ingeri-los sempre.

Quimioterapia – Um dos efeitos colaterais da quimioterapia é a morte de células saudáveis junto às células doentes. Isso inclui, logicamente, as células responsáveis pela defesa do corpo.

Falta de repouso adequado – Durante o sono, produzimos diversas substâncias importantes e o corpo repara os tecidos danificados. Noites mal dormidas, quando por longo período de tempo, podem causar queda na imunidade.

Aumentando a imunidade

Cuidado com a automedicação – Ela pode mascarar sintomas, atrasar o tratamento e ainda aumentar a resistência de bactérias.

Mantenha a higiene em dia – Muitas doenças podem ser evitadas se você lavar as mãos antes de se alimentar e após o uso do banheiro, além de lavar bem os alimentos.

Reveja seu estilo de vida – Confira sua alimentação, se você enfrenta níveis controlados de estresse e se você tem vícios prejudiciais à saúde. Se você é saudável (na maior parte do tempo) e enfrenta uma queda na imunidade, a solução pode ser uma mudança de hábitos.

Recomendamos para você:

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

Post Comment