Libido feminina: saiba quais são os mitos e as verdades

Libido feminina: saiba quais são os mitos e as verdades

A libido é outro nome para o desejo sexual, e todas nós sabemos que a sexualidade feminina é envolvida em uma série de mitos e pressões sociais. Desde a mais tenra infância, devido à nossa sociedade patriarcal, existe uma repressão quase inconsciente da libido feminina.

Vamos falar mais sobre isto, sobre a libido feminina e alguns dos maiores mitos a respeito dela, além de outros detalhes sobre o comportamento sexual que precisam ser revistos com urgência.

Quais as dificuldades mais comuns das mulheres em relação à libido?

Antes de tudo, existe uma dificuldade crônica em muitas mulheres de conhecer seus pontos erógenos (áreas do corpo que causam sensação de prazer). Por motivos psicológicos e sociais, as mulheres acabam tendo sua libido bloqueada e muitas coloca sob domínio da libido do marido ou companheiro.

Mesmo as mulheres solteiras acabam sendo recriminadas quando usufruem de seus desejos de forma mais livre, e todas nós sabemos que isto pode ser muito incômodo pensar nas consequências de seguir a libido e fazer sexo de forma livre, como se houvesse algum tipo de censura em relação aos nossos corpos.

De uma forma ou de outra, a busca pela compreensão da libido é uma jornada de autoconhecimento que deve ser trilhada durante a vida toda. Seja com uma pessoa fixa ou encontros ocasionais, é fundamental que o sexo seja prazeroso, consensual e acima de tudo, sensual e delicioso.

Como aprender a despertar a sua libido?

Existem várias coisas que precisam deixar e ser tabu em relação ao seu corpo e à forma como você se relaciona com o sexo para que a sua relação com a sua libido seja melhorada:

Toque-se para se conhecer: Muitas vezes as mulheres não conhecem seu corpo principalmente porque não se tocam de forma sensual. Perca a vergonha de descobrir quais áreas te excitam mais e a forma elas devem ser tocadas. Se você não tem o costume, masturbe-se ou ao menos excite seu corpo em busca das áreas mais desejadas e use este conhecimento para ajudar a pessoa com quem você esta tendo relações sexuais da próxima vez.

Seu prazer é diferente do masculino: apesar da libido feminina e da masculina ser muito similar, a forma como eles alcançam é totalmente diferente. O a relação sexual, para o homem é sempre uma ascendente de excitação que termina, se não interrompida, em um orgasmo. Já a feminina, entretanto sofre alterações que tem muito mais relação com a qualidade e quantidade de excitação nas áreas erógenas do que com a penetração em si.

Sexo não é só penetração: A atividade sexual é algo que nem sempre visa à reprodução e sim o prazer de todos os envolvidos. A penetração não é, de forma alguma, a única forma de sexo e muito menos a mais importante, O uso de outras partes do corpo como seios, bumbum, língua e mãos em busca do aumento da libido e a um consequente orgasmo é fundamental.

Ajude a pessoa: Cada mulher é única em suas zonas erógenas e por isso é importante que você guie a pessoa pelos caminhos do prazer do seu corpo. Busque dar a ela “dicas”, e somente mande e ordene se isto for excitante para ambos.

Buscar uma sexualidade mais livre e desinibida é importantíssimo para todas

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

Post Comment