Dieta Dukan, por que vale a pena experimentar?

Dieta Dukan, por que vale a pena experimentar?

A dieta Dukan, assim como outros programas nutricionais, é muito mais honesto em sua concepção e mais saudável em sua essência: pois ela modifica realmente sua forma de se relacionar com a comida e funciona como um guia permanente para o seu consumo. Sim, é quase como se você estivesse “em dieta” permanentemente.

Fique tranquila, porém, pois esta é uma dieta que, ao invés de restringir o que você vai comer, te ajuda a educar seu corpo a aproveitar melhor o que você come, além de melhorar um dos maiores inimigos das pessoas que tem dificuldades de emagrecer: o metabolismo.

Quer entender como? Vamos explicar as fases da dieta e como elas vão afetar seu corpo, além de comentar os prós e contras desta dieta.

O segredo da Dieta Dukan

Se existe um segredo, na verdade ele é bem simples, e é usado por outros programas de emagrecimento similar: o aumento do consumo de proteínas.

As proteínas são muito mais complexas do que os carboidratos para se transformar em energia, o que exige muito mais do corpo para digeri-las, e consequentemente faz com que o corpo use suas reservas energéticas (gordura) para conseguir digerir a grande quantidade de proteínas.

Depois disto, o consumo de proteínas continua alto, mas vai, gradualmente cedendo espaço para outros produtos, mas sempre mantendo um dia de proteína pura pelo resto da vida. Desta forma, a dieta Dukan educa seu corpo a aproveitar mais o que você consome e a consumir menos.

Como comentamos, a dieta Dukan ocorre em fases: que são:

Ataque: O momento do choque no seu corpo, quando você fica um período comendo apenas proteínas. É um período curto, mas de alta quantidade de stress para as pessoas.

Cruzeiro: a uma das fases mais longas, é eficiente para a fixação dos valores da dieta e evitar o efeito sanfona. Você começa a inserir verduras e legumes na alimentação de pura proteína. Perde-se, geralmente, uma quantidade considerável de peso nesta fase.

Consolidação: As últimas restrições alimentares caem, e a pessoa é convidada a manter-se saudável pelo controle da sua alimentação. É uma fase fundamental quando pensamos na dieta Dukan como um programa de reeducação alimentar de longa duração.

Estabilização: A fase que dura, basicamente, o tempo que a pessoa quiser, pois ela fala. Basicamente, de manter o equilíbrio que se alcançou dentro da dieta Dukan e fazer disto um estilo de vida.

Prós e contras da Dieta Dukan

Uma das maiores vantagens da Dieta Dukan é que ela beneficia a grande maioria das pessoas, já que ataca a questão do excesso de peso de uma forma bem dramática. Embora existam algumas contra indicações que precisam ser citadas:

  • Como toda a dieta de baixos carboidratos, você pode enfrentar problemas intestinais e acessos de mau humor no começo da dieta. Se eles se tornarem um problema mais sério, interrompa a dieta.
  • Não se recomenda, exceto por prescrição médica, dietas de alta quantidade de proteína para pessoas com problemas nos rins e no fígado, pois este tipo de alimentação cobra mais destes órgãos.
  • Como em toda a dieta, os exercícios físicos fazem papel fundamental no processo, não podendo ser deixados de lado.
  • Devido ao maior acúmulo de impurezas devido ao processo de digestão das proteínas, a hidratação se torna mais importante.

Em caso de dúvida, a melhor opção é procurar um nutricionista para ter certeza que a dieta Dukan é a melhor solução para você!

 

 

Recomendamos para você:

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

Post Comment