Câncer de Mama: Entenda essa doença e saiba como se prevenir!

Câncer de Mama: Entenda essa doença e saiba como se prevenir!

O câncer de mama tem atingido mulheres cada vez mais novas (e muito raramente também os homens), e por isso é tão importante que as informações sobre o que é, os sintomas e como fazer a prevenção esteja acessível a todas as mulheres, como vamos falar no artigo de hoje.

E depois que você ler esse artigo e entender tudo sobre essa doença, compartilhe entre as suas amigas e amigos, para que mais mulheres consigam se proteger do câncer de mama.

O que é?

O câncer de mama (ou carcinoma) é uma doença causada pela multiplicação rápida e desordenada de células anormais da mama, que formam um tumor maligno.

Tipos de câncer de mama

Os tipos de câncer de mama são classificados de acordo com o local da mama onde se originou o tumor. O mais comum é chamado carcinoma ductal, porque ele começa nas células dos ductos mamários. Já o carcinoma lobular começa nas células dos lóbulos mamários.

Além desses tipos, o câncer também é classificado de acordo com o seu estágio:

  • Estágio 0: quando a doença está restrita ao local onde começou (carcinomas in situ)
  • Estágio 1: a doença invadiu a região local, mas possui no máximo 2 cm de tamanho (carcinomas invasivos = tem chance de mandar células para outras partes do corpo)
  • Estágio 2: a doença invadiu a região local, mas possui entre 2 e 5 cm de tamanho e ínguas pouco comprometidas na axila (carcinomas invasivos)
  • Estágio 3: a doença invadiu a região local, mas possui tamanho maior que 5 cm ou ínguas muito comprometidas na axila (carcinomas invasivos)
  • Estágio 4: quando a doença invadiu outras partes do corpo como: ossos, pulmões, fígado, etc

Sintomas Câncer de mama

O sintoma mais comum do câncer de mama é o aparecimento de um nódulo. Os nódulos indolores, duros e irregulares têm mais chances de ser malignos (câncer), mas há tumores que também são macios e arredondados, e por isso vale a pena fazer um diagnóstico especializado.

Além do nódulo, é comum aparecerem outros sintomas, como:

  • inchaço na mama;
  • irritação ou irregularidades na pele, deixando um aspecto de casca de laranja no seio;
  • dor no mamilo;
  • inversão do mamilo (quando ele fica pra dentro);
  • vermelhidão, escamação do mamilo ou da pele da mama;
  • saída de secreção;
  • nódulo nas axilas.

câncer de mamaExame

Quando o tumor é diagnosticado ainda em fase inicial (quando ele é menor que 1 centímetro), as chances de cura do câncer de mama chegam a até 95%. Tumores desse tamanho são pequenos demais para serem detectados pelo autoexame (quando a mulher apalpa a mama), mas já são visíveis na mamografia, e por isso é fundamental que toda mulher faça uma mamografia por ano a partir dos 40 anos, para iniciar o tratamento o quanto antes.

Tratamentos

O tratamento do câncer de mama pode variar de acordo com o tipo de câncer, pois existem tumores mais e os menos agressivos, e os que crescem mais ou menos rápido, por exemplo, e cabe ao médico indicar o tratamento que se mostrar mais efetivo para eliminar a doença logo no começo, sem chances de recaída.

Eles podem ser clínicos (com medicamentos chamados quimioterápicos e hormonioterápicos) ou cirúrgicos (que pode ser aquela que preserva a mama como a tumorectomia, quadrantectomia ou a cirurgia mais radical, conhecida como mastectomia), além da radioterapia é feita depois da cirurgia.

Prevenção Câncer de mama

Infelizmente, ainda não existem meios de prevenir o câncer de mama. O mais efetivo, nesse caso, é diagnosticar o tumor o mais rápido possível através dos exames para iniciar logo o tratamento e aumentar as suas chances de cura.

câncer de mamaOutubro rosa

O Outubro rosa é uma campanha de conscientização sobre o câncer de mama, e inicialmente, essa campanha ensinava sobre o autoexame, que continua sendo importante, mas, como falamos, quando o tumor chega a um tamanho que possa ser sentido na palpação, já não está mais no estágio inicial, e as chances de cura são inversamente proporcionais ao tamanho do nódulo, ou seja, quanto menor ele é, maiores as chances de cura.

Hoje, o Outubro rosa serve para falar dos sintomas do câncer de mama, que é uma doença que pode ser tratada e curada, e da importância da mamografia, que é um exame de raio-X, onde a mama é comprimida entre duas placas de acrílico para melhor visualização do tecido mamário, sendo possível ver nódulos ainda na fase inicial.

 

 

💕 SE INSCREVA NO NOSSO CANAL NO YOUTUBE 💕

 

 

Você Também Pode se Interessar

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

Post Comment