Estrias: Saiba quais são as causas e como tira-las!

Estrias: Saiba quais são as causas e como tira-las!

A estria é um fenômeno de crescimento acelerado da parte do corpo que foi afetada. Naturalmente, nossa pele possui propriedades que conferem elasticidade e permite que os crescimentos, naturais, ocorram sem maiores lesões. Entretanto, essa elasticidade possui um limite, variante de pessoa para pessoa.

Quais são as causas das estrias?

Para as mulheres é mais comum o surgimento de estrias nos seios e bumbum, regiões essas que costumam crescer repentinamente durante a puberdade. Entretanto, o famoso “estirão” dos homens também pode gerar lesões em determinadas partes do corpo que possuem menor elasticidade.
Além disso, o aumento de massa muscular, devido à musculação, também costuma gerar estrias, principalmente nos ombros.

Durante a gravidez as estrias geralmente aparecem na barriga, na parte de trás da cintura e até mesmo nos ombros.

Esse crescimento, portanto, promove uma distensão da pele e, assim, provoca lesões que são exatamente as estrias.

As estrias também possui forte influência genética. Assim como comentamos acima, o surgimento desa lesão se dá, biologicamente, pela falta de elasticidade da pele frente à distensões ocasionais.

Dessa forma, se existe uma baixa disposição genética em produzir as propriedades que conferem flexibilidade para a pele, o paciente é geneticamente mais suscetível a desenvolver essas lesões.

Existe ainda uma última causa para o surgimento das estrias: doenças. Três síndromes podem ocasionar e agravar a formação de estrias. São elas: síndrome de Cushing, síndrome de Marfan e síndrome de Ehlers-Danlos.

Algumas substâncias usadas para o combate de enfermidades, como os corticoides e prednisona podem ter como efeito colateral essas lesões cutâneas.lesão no bumbum

estrias na barriga

Qual a diferença entre vermelhas, roxas e brancas?

Estrias vermelhas e roxas
Tanto as estrias vermelhas e as estrias roxas são semelhantes e possuem as mesmas características. Esse tipo de lesão são exatamente as mesmas lesões das estrias brancas.Porém, tanto as vermelhas quanto as roxas representam o estado inicial da cicatriz branca que marca a pele.

No primeiro momento que ocorre a distensão da pele, ocorre um processo inflamatório causado pelo rompimento das fibras elásticas da pele.

As cores vermelhas ou roxas indicam que o tecido lesionado não foi totalmente prejudicado e ainda existe circulação sanguínea no local.

Assim, o tom da cicatriz varia de acordo com a quantidade de sangue que está circulando.
Quando mais escura está a estria, significa então que existe uma quantidade maior de sangue em circulação.lesões roxas
Estrias brancas
Dessa forma, as estrias brancas são as mesmas lesões que não foram devidamente cuidadas. Com a evolução da distensão, o tecido lesiona completamente até que não exista mais sangue circulando na área, finalizando o processo de cicatrização.estrias brancas

Como prevenir essas lesões na barriga e nas costas?

A prevenção de estrias mais efetiva é evitar o crescimento repentino e exagerado do corpo. Obviamente, sabemos que existem casos onde isso não é possível, como durante a adolescência e a gestação.

Portanto, salvo esses casos, a primeira forma de prevenção é evitar o ganho de massa muscular exagerada e o aumento de peso descontrolado.

Nos demais casos, e, paralelo à atenção ao crescimento de tecido muscular e adiposo exagerados, o melhor caminho para a prevenção dessas lesões é a hidratação. A flexibilidade da pele está associada às propriedades fisiológicas que conferem essa característica, mas também ao nível de hidratação e cuidado com a pele.

Assim, uma das melhores formas de prevenção é manter a pele hidratada com cremes apropriados, da mesma forma como beber uma quantidade significativa de água por dia.lesões vermelhas

Como cuidar das estrias pós parto?

As estrias pós-parto são como quaisquer estrias. Entretanto, como ocorre um crescimento muito grande da região abdominal em muito pouco tempo, o tamanho, espessura e grossura das estrias são altos.
Em compensação, essas estrias tendem a ficar vermelhas e roxas por mais tempo.

Assim, existe maior possibilidade de reverter o quadro e regenerar a pele.
Para isso, mantenha a pele muito hidratada com cremes bons e funcionais.

Além disso, também é recomendável o uso de cremes um pouco ácidos para realizar uma levíssima exfoliação na pele.
Porém, MUITO CUIDADO! É muito necessário que, se optar por usar os cremes ácidos, você faça um acompanhamento médico antes.

No momento da gravidez, e da lactação, o uso de substâncias perigosas pode afetar diretamente o desenvolvimento do bebê.

Qual o tratamento mais indicado?

Relembramos que o tratamento para estrias só é efetivo para reverter o quadro inicial da pele quando elas estão vermelhas ou roxas.

Assim, para esses casos, o melhor tratamento é a hidratação e o uso de cremes que contenham os ácidos retinoico ou tretinoína, que esfoliam e regeneram a pele suavemente, além de reconstruir o colágeno da pele.

Para os casos de lesões brancas, esse tratamento com os cremes ácidos também pode ser muito bom. Porém, ele é capaz apenas de reduzir a aparência das cicatrizes, e não eliminá-las por completo.

Possui alguma dúvida sobre as estrias? Deixe um comentário que vamos te ajudar!

💕 SE INSCREVA NO NOSSO CANAL NO YOUTUBE 💕

 

Você Também Pode se Interessar

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

Post Comment